ThinkPad: há 25 anos mudando o mundo
< Retornar à lista

Tornando a Astronomia mais tangível

“A imensidão do universo, o que mais existe – como isso pode não chamar a sua atenção, certo?”, pergunta Gary Flides, diretor do Observatório Kielder, em Northumberland, no Reino Unido. Localizado nas montanhas verdes no nordeste da Inglaterra, Flides testemunhou incontáveis fenômenos astrológicos – desde chuvas de meteoros até buracos negros – mas nunca viu alguém como Markus Reinert.

Com apenas 18 anos, Reinert é um estudante alemão cuja paixão por programação e astronomia super sua idade. Embora Flides tenha equipamentos científicos em seu laboratório que sejam mais velhos do que Reinert, ele é rápido para ressaltar o incrível potencial de Reinert. “A idéia do observatório é conseguir membros comuns do público para olharem em grandes telescópios, e permitir que eles enxerguem como o nosso universo funciona”, ele diz. “É exatamente isso que Markus está fazendo”.

Utilizando apenas um telescópio, uma câmera e seu ThinkPad, Reinert criou um software com habilidade suficiente para analisar as estrelas – mesmo em ambientes poluídos com muita luz, como sua cidade natal, Munique. Seu trabalho, embora seja composto por peças simples, foi revolucionário a ponto de premiá-lo com o Prêmio Jovem de Ciência na Alemanha. Ainda que ele esteja no caminho certo para uma ascensão meteórica na comunidade científica, a paixão de Reinert começou de forma humilde, bastante baseada no planeta Terra, com uma simples tarefa escolar.

“Tudo começou na escola, quando eu tive que escrever um trabalho de 15 páginas sobre matemática aplicada”, Reinert explica. “Já com alguma paixão pela astrofísica, decidi combinar os dois temas”. Nesse meio tempo, ele já alimentava o hobby amador de observar estrelas. Ainda assim, como muitos habitantes da cidade, Reinert se deparou com a poluição causada pela luz. Até mesmo um passeio rápido fora da área metropolitana de Munique ainda produz fotografias desfocadas e, por fim, resultados distorcidos.

Durante o período de um ano, Reinert desenvolveu um algoritmo capaz de fotografar as estrelas, e então ajustar o brilho para compensar a poluição luminosa. Como indica Flides, “Se você sabe quão brilhante é um objeto, você pode calcular a sua distância”.

Filtrando o ruído estático e de fundo das luzes de cidades grandes, Reinert consegue reproduzir o universo em uma imagem simples e refinada em seu ThinkPad. Pode-se imaginar que Reinert teria um ego do tamanho de uma estrela em função de suas conquistas, mas o humilde garoto premiado como Jovem do Ano em Ciências fica feliz em contribuir tanto com a comunidade científica.

“O que diferencia esse concurso é que não vemos cada concorrente como um rival”, ele diz. “Somos muito mais colaborativos e nos vemos como parceiros que ainda têm muito a aprender sobre o nosso universo”.

Por hora, Reinert está estudando matemática na Universidade de Munique, com bacharelado em física – uma trajetória educacional dupla que o permitirá combinar todos os seus interesses variados em um programa. Enquanto, a cada dia, ele acrescenta novas ferramentas e técnicas a este arsenal de conhecimento, ele já provou que pode atingir alturas astronômicas com equipamentos relativamente simples.

Processadores Intel® Core™. Se tem Intel, tem máxima produtividade.

Não é um notebook. É um ThinkPad.

Para saber tudo sobre a linha ThinkPad e comprar seus notebooks e tablets mais atuais, acesse o site Lenovo.com.

Ultrabook, Celeron, Celeron Inside, Core Inside, Intel, Intel Logo, Intel Atom, Intel Atom Inside, Intel Core, Intel Inside, Intel Inside Logo, Intel vPro, Itanium, Itanium Inside, Pentium, Pentium Inside, vPro Inside, Xeon, Xeon Phi, e Xeon Inside são marcas registradas da Intel Corporation e suas subsidiárias nos EUA e/ou demais países.